“Falar, falar, falar”

  A gente habitua-se ao tom de enfado desta repetição, ao tom de denúncia de quem diz “falar, falar, falar” como se colocasse o dedo na ferida da nossa inconsequência. Nos piores casos, da nossa hipocrisia. Mas aconteceu-me outra coisa em julho. No podcast do...

Quando a “realidade” é um pormenor ou um exagero

  Esta foi a história de quando comprámos a primeira casa na Bielorrússia. Os Missionários Redentoristas escolheram uma área ainda não residencial, onde iam chegando muitos deslocados. À frente da casa, uma estrada de terra. Lama, na maior parte do ano. Por...

Pin It on Pinterest