Adriano Miranda

Chorar em Fátima

Apeteceu-me dizer aos companheiros dos círculos ao lado que sou ateu, que me ensinem como é sentir o que eles sentem. Que importa? Senti o coração a abrir-se e descobrir que também sou uma árvore frondosa como o meu pai e a minha mãe desejaram que eu fosse.   O meu primeiro mergulho foi na pia baptismal. Não por minha vontade, mas por...