Joaquim Fidalgo

Segunda leitura – Quem dá o pão…

  A reportagem era sobre as saudades da escola, sobre a falta que ela fazia. Melhor: sobre a falta que dela se sentia. Que não é exatamente a mesma coisa, mas adiante… Claro que sim, claro que sentiam a falta, meninas e meninos a uma só voz, e de quê?, pois de tudo, de estar com os amigos, de aprender muitas coisas novas, de estar com os...

Segunda Leitura – À espera para dar

  “Houve quem esperasse cinco horas.” Cinco horas? Cinco horas?… É obra. O motivo devia ser forte, a oportunidade interessante, apelativa. Ou então a necessidade muita. Cinco horas à espera, é preciso ter paciência. “A fila chegou a dar a volta ao edifício.” Grande fila, de facto. Quase um quarteirão dela. E com grande variedade de...

Pin It on Pinterest