Luísa Ribeiro Ferreira

Comunicar na era do coronavírus

Comunicar na era do coronavírus “Cada época tem as suas doenças paradigmáticas (…). Apesar do medo descomunal de uma pandemia gripal, não vivemos presentemente na época viral. Graças ao desenvolvimento da técnica imunológica, já a conseguimos ultrapassar.” (Byung-Chul Han, A Sociedade do Cansaço.[1]) O excerto que acima citamos pertence a uma...

A experiência da vulnerabilidade

A experiência da vulnerabilidade Nas margens da filosofia (XVII) “Mais cedo ou mais tarde, estamos destinados a fazer a experiência da vulnerabilidade.” (José Tolentino Mendonça[1])   A situação que presentemente vivemos com o Covid-19 preocupa-nos, angustia-nos e faz-nos pensar na fragilidade das nossas vidas, levando-nos a viver na carne a...

O reconhecimento de um Justo

O reconhecimento de um Justo Nas margens da filosofia (XVI)   “A thing of beauty is a joy forever” (John Keats)   Passou recentemente nos cinemas o filme de Terrence Malick A Hidden Life (em português, Uma vida escondida). A tradução de hidden por “escondida” é simplista, pois a vida do personagem central do filme não é a de...

“Qual é o mal de matar?”

“Qual é o mal de matar?” Nas margens da filosofia (XV)    “Senhor, dá a cada um a sua própria morte, nascida da sua própria vida” (R. M. Rilke)   A interrogação que coloquei como título deste texto foi usada por Peter Singer que a ela subordinou o capítulo V do seu livro Ética Prática.[1] Para este filósofo...

Viver na Cidade

Viver na Cidade Nas margens da filosofia (XIV)   Há muita gente a viver na cidade mas, no entanto, poucos se dão ao trabalho de a escutar. O que implica não só que conheçamos a sua topografia, mas também que estejamos atentos à multiplicidade de gentes que a habitam e à diversidade de modos como o fazem. Porque a cidade é uma grande casa,...