O 25 de abril: rito (religioso) ou ritualismo (político)?

O 25 de abril: rito (religioso) ou ritualismo (político)? Claro que o 25 de abril deve ser celebrado, como todos os momentos mais fortes e intensos das nossas vidas! A Páscoa celebra uma liberdade muito maior, aquela que rasga as amarras da morte, e não deixou de ser...

Ku-txinga: dos hábitos às mudanças tradicionais

Ainda que leve muito tempo, por vezes séculos, culturas e tradições são susceptíveis de mudanças. Em muitas sociedades, os valores e diferentes saberes são transmitidos através de mitos e de rituais. Estes são fenómenos existentes em todos os povos.Cada povo...

Pin It on Pinterest