Maria Eugénia Abrunhosa

Um livro de Anselmo Borges para pensar

“O mito da Europa é débil. O mito da globalização feliz está em zero. O mito da euforia do trans-humanismo só está presente entre os tecnocratas. Encontramo-nos num vazio histórico cheio de incertezas e de angústias. Só um projecto de via salvífica poderia ressuscitar uma esperança que não seja ilusão.” (Edgar Morin, in Le Monde, 2017)   O...

Antero de Quental (1842-1891): “Já sossega, depois de tanta luta”

“…não sei que voz que eu mesmo desconheço Em segredo protesta e afirma o Bem!” (Sonetos) “…a lei moral do homem é o constante aperfeiçoamento e a progressiva santidade” (Antero de Quental)   Antero de Quental nasceu numa das mais antigas famílias dos Açores, na ilha de S. Miguel: o avô fora amigo de Bocage; o pai, companheiro de D. Pedro...

“Pensa Fraternalmente” – Um Fernando Pessoa desconhecido

  Pedro Teixeira da Mota investigou na célebre arca de Pessoa, e também no espólio do poeta na Biblioteca Nacional, textos na sua maioria inéditos, relativos à Metafísica, Esoterismo, Caminho Iniciático. Publicou nas Edições Manuel Lencastre quatro volumes relativos a esta abordagem na obra pessoana: I – Moral, Regras de Vida,...

O vale afundado e a barragem do Sabor

  Há o silêncio que desce pelas encostas banhadas pelo sol, um murmúrio de aves, vertendo-se até ao vale profundo. Souto é um lugar com casas esventradas, imoladas numa intemporalidade de destroços, num esvaziamento. Raras estão de pé: uma, é “alojamento local”; outras, servem também para casas de férias. Quando as visitas se vão embora,...

Resistir em casar à força – a história de Selima

Não, não é uma novela camiliana. Em pleno século XXI, em muitos pontos do globo, tais factos acontecem com a conivência de todos, inclusive das autoridades. No Expresso de 02/07, no artigo “O triste destino das noivas à força”, o jornalista Mauro Mondello fazia uma reportagem no Quirguistão sobre esse assunto e entrevistava mulheres e activistas...

Pin It on Pinterest